Publié par fara

A contribuição angolana e o papel do Chefe de Estado, José Eduardo dos Santos, para a paz e estabilidade em África, em particular da Região dos Grandes Lagos, foi enaltecida nesta terça-feira, em Washington, EUA, pelo enviado especial do Presidente americano para a Região dos Grandes Lagos e para a República Democrática do Congo (RDC), Russel Feigold.

Num breffing à imprensa, o diplomata americano declarou que desde que Angola assumiu a presidência da Conferência Internacional da Região dos Grandes Lagos, em Janeiro passado, a situação melhorou consideravelmente, pelo facto de o Presidente José Eduardo ter uma forte e extraordinária capacidade de liderança e por ser respeitado pelos líderes da região.

Sublinhou o facto de os lideres terem passado a concertar mais vezes posições, melhorando e promovendo o diálogo entre as partes em conflito e todas as entidades que podem influenciar ou contribuir para a paz na região.

Angola tem estado a desempenhar um grande e importante papel. Apesar de não ser de facto um país localizado na Região dos Grandes Lagos, por fazer fronteira com vários Estados desta região e por ter passado também por uma experiência de guerra, procura ajudar os vizinhos, porque a instabilidade em países como a RDC pode comprometer a paz em todo continente, declarou.

Agradeceu as autoridades angolanas pelo seu empenho significativo para a paz na região dos Grandes Lagos, defendendo o contínuo fortalecimento das relações com Angola, pelo seu papel fulcral para a paz.

Rusel Feingold descreveu a situação como merecendo atenção especial e admitiu a possibilidade do uso da força para desarmar grupos rebeldes.

Considerou necessária a revisão do quadro legal, como a Constituição da RDC, visando promover uma maior democratização do país, com eleições locais e permitir aos cidadãos concorrer a cargos políticos a todos os níveis, bem como a limitação do número de mandatos.

Via Angop

 Enaltecida contribuição angolana para paz em África
Pour être informé des derniers articles, inscrivez vous :

Commenter cet article